26/02/2020 14:36

Convite Quaresmal

Queridos fieis, assíduos frequentadores deste Santuário do Sagrado Coração de Jesus em Sufrágio das Almas, nós que atuamos neste Santuário, viemos por meio destas palavras convida-los para que venham participar conosco neste tempo forte de Fé proposto pela Liturgia de nossa mãe Igreja. Somos todos convocados, neste tempo este que chamamos de Quaresma, a uma reflexão mais profunda sobre nossa vida e sobre nossa caminhada de cristãos.


A Palavra Quaresma se origina do Latim “Quadragésima”, que se refere a um tempo de Quarenta dias, sem contar os domingos, iniciando com a Quarta-feira de Cinzas e terminando na Quinta-feira Santa. É um tempo forte que contém um forte apelo de conversão e de verdadeira preparação para a Páscoa do Senhor.


Podemos encontrar na Sagrada Escritura algumas passagens que podem nos ajudar a compreender melhor o que seja este “período” necessário para experimentar “algo novo”. Eis a seguir algumas passagens bíblicas que nos ajudam a entender melhor o significado deste tempo santo. Em Gn 8,6-11 -fala dos 40 dias que Noé aguada o termino do dilúvio que culmina com a Aliança de Deus manifestada no Arco-íris; em Ex 24,18 temos Moises que permanece 40 dias na montanha na espera das tábuas da Lei; em Js 5,6... quando Josué menciona os 40 anos que o Povo de Israel percorreu em busca da Terra que corrialeite e mel; seja em 1Rs 19,8-9, onde nos é apresentado os 40 dias que Elias caminhou em direção ao monte Horeb para fazer a profunda experiência de Deus; ou ainda, em Jn 3, 4-6 quando Jonas entra na Cidade de Nínive pregando que se a cidade não se convertesse seria destruída em quarenta dias, mas sua pregação chega aos ouvidos do Rei que junto de seu povo faz penitencia vestindo-se de saco e sentando sobre as cinzas num profundo gesto de conversão. Enfim, recordamos os quarenta dias que Jesus passou no deserto se preparando para sua vida pública.


Diante destes testemunhos Bíblico somos convocados a fazer, anualmente, o que nós chamaram de Retiro anual ou Retiro Quaresma. É um tempo de colocar nossa vida em sintonia com a palavra de Deus, em sintonia como os textos bíblicos propostos para a celebração da Eucaristia diária. Por exemplo, fazendo um paralelo entre as tentações que Jesus passou com as tentações que nós também estamos passando. Aprender com Jesus a vencer as tentações entrando numa profunda comunhão com o Pai. Buscando na Palavra de Deus a força para resistir às tentações e procurando testemunhar os valores do Reino de Deus.


Deste modo, voltando nosso olhar para o Inicio da Quaresma queremos ao receber as Cinzas tomar consciência que somos convidados a um verdadeiro despojamento, como nos lembra Gn3,19:“Lembra-te que tu és pó, e ao pó hás de voltar”. Este propósito tem influencia na mitologia egípcia bastante conhecida no mito da Fênix, uma ave que é consumida pelo fogo e não morre, mas renasce das Cinzas. Assim, também, Jesus após passar pelo “fogo das mãos humanas a pôs três dias nas entranhas da Terra renasce vencendo a morte e este é o ponto mais alto de nossa Fé como nos apresenta são Paulo a Ressurreição Páscoa vida nova no Cristo”.


Fica o convite a você querido fiel, a iniciarmos juntos, nesta Quarta-feira de Cinzas, o nosso Retiro.

Iniciarmos com Jejum e Abstinência de Carne e com outros bons propósitos que nos levem a um amadurecimento da Fé partindo do nosso coração.

Vamos aprender com a semente renascer de dentro para fora, ou seja, de dentro do Coração.

Desejamos a todos um santo retiro ou uma Santa Quaresma!

 


Pe. Geraldo Alves Cassiano,msc