21/09/2021 09:00

O cobrador de impostos convertido: São Mateus, Evangelista.

Hoje, dia 21 de setembro, somos convidados a celebrar a memória litúrgica de um santo apóstolo muito importante: São Mateus! Um coletor de impostos que deixou para trás os confortos para poder seguir ao Mestre, vivendo uma conversão autêntica.

 

Levi, como era chamado antes de sua mudança de vida, estava em seu posto como coletor de impostos, até que Jesus o viu e disse “Segue-me”. Esse chamado simples do Senhor transformou a vida deste homem que se levantou e seguiu-O.

 

Segundo o Evangelho, depois de sua conversão, ele convidou Jesus e seus discípulos para um banquete em sua casa. Mas o povo da época questionou: “Por que come vosso mestre com os publi­canos e com os pecadores?”

 

Jesus respondeu: "Não são os que estão bem que precisam de médico, mas sim os doentes. Ide e aprendei o que significam estas palavras: Eu quero a misericórdia e não o sacrifício . Eu não vim chamar os justos, mas os pecadores”. (Mateus 9, 11-13).

 

O Mestre chamou um coletor de impostos, apesar de ser uma profissão que era desaprovada pelo povo. Ele não se importou com o que os outros pensariam, apenas olhou para um homem que precisava ser convertido e chamou-o a uma vida nova!

 

São Mateus dedicou então a sua vida à seguir Jesus e escutá-lo. Depois da Ascensão de Cristo, o santo escreveu um dos quatro Evangelhos por inspiração do Espírito Santo. Nele, ele explica os momentos que viveu com o Senhor e seus ensinamentos.

 

O santo apóstolo escreveu seu Evangelho com o olhar voltado para os judeus e os cristãos convertidos do judaísmo. Ele mostra que Jesus é o verdadeiro Messias e faz diversas referências ao Antigo Testamento.

 

São Mateus, rogai por nós!