12/03/2021 14:37

O que é o "Domingo Laetare"?

A Quaresma é um tempo voltado para a penitencia, oração, jejum e esmola. Trata-se, de fato, de um tempo favorável para buscar o verdadeiro arrependimento pelos pecados cometidos e uma verdadeira conversão do nosso coração. Não à toa, a cor litúrgica desse tempo é o roxo, que reflete uma certa sobriedade e faz com que o fiel viva a Quaresma com mais atenção e presença. No entanto, existe um dia especial onde trocamos a cor litúrgica e passamos a celebrar a alegria em um tempo de penitência: o Domingo “Laetare”!

Celebrado no penúltimo domingo da Quaresma, o Domingo “Laetare” vem do latim que significa “alegria”. Neste dia, a Antífona de Entrada reza: “Alegra-te Jerusalém! Reuni-vos, vós todos que a amais; vós que estais tristes, exultai de alegria! Saciai-vos com a abundância de suas consolações”, conforme Isaías 66, 10-11.

Todo o tempo quaresmal é uma preparação para a Alegria Maior que celebraremos na Páscoa com a Ressurreição de Cristo. O Domingo da Alegria nos recorda que esse dia se aproxima, que logo veremos Cristo triunfar sobre a morte e transformar a noite em dia. Essa alegria nos suscita esperança e fé, portanto, não é hora de desistir ou fraquejar em nossos propósitos, mas seguir com determinação!  Além do mais, vitória é o que vem depois da Cruz!

Especialmente neste dia, a cor litúrgica passa do roxo para o rosa. Além de lembrar os fiéis de que esse domingo é “diferente”, o rosa também transmite essa alegria própria do Domingo Laetare.

Durante o Advento podemos observar essa mesma mudança. Por também ser um tempo penitencial e de espera, a cor litúrgica do Advento também é o roxo, mas no penúltimo domingo do Advento, também celebramos a alegria com o Domingo “Gaudete”, onde a cor litúrgica também passa a ser o rosa.

Que a alegria e a esperança de Cristo invadam os nossos corações!