10/02/2022 09:00

Santa Escolástica, a irmã gêmea de São Bento!

A santa padroeira das monjas, Santa Escolástica, é aquela que temos a felicidade de recordar no dia de hoje! Fundadora do ramo feminino da Ordem Beneditina e irmã gêmea de São Bento, ela é muitas vezes representada com uma pomba branca nas mãos ou no peito.

 

Nascida em 480 na cidade de Núrsia, na Itália, Escolástica era de uma família nobre, que a educou na fé em Cristo desde muito nova. A santa faz o voto de castidade ainda jovem, antes mesmo de tornar-se monja.

 

Uma jovem de oração, sempre intercedia com carinho pelo irmão. Após perder os pais, Escolástica dá tudo o que tinha aos pobres e vai ao encontro de seu irmão, expressando o desejo de viver a vocação religiosa a partir das regras beneditinas.

 

Dessa forma, a santa fundou o ramo feminino da ordem, as Beneditinas, e o primeiro mosteiro feminino no Ocidente. Seguindo os princípios de seu irmão, as irmãs viviam em comunidade, sempre buscando perseverar na oração e no trabalho, o “Ora et Labora” de São Bento.

 

A ordem Beneditina floresce e dessa forma, muitas mulheres tiveram a oportunidade de se consagrar a Deus e viver a vocação, vivendo juntas em caridade e amor a Deus, em constante oração e estudo, sempre ajudando umas às outras.

 

Santa Escolástica era, ainda, muito próxima de seu irmão, e os dois se encontravam no tempo da Páscoa, apenas uma vez por ano. Nestas ocasiões, era testemunhada a profunda ligação entre os dois, que conversavam, inspirados pelo Espírito Santo, sobre assuntos espirituais e o Reino de Deus.

 

No último encontro entre os dois, a santa sabia que sua partida estava próxima, o que lhe havia sido revelado pelo Senhor. Ela pediu ao seu irmão que pudessem conversar por mais tempo, mas o santo disse não, por causa de sua regra. 

 

Escolástica fez, então, uma oração a Deus, e logo em seguida o tempo mudou e começou a cair uma forte chuva. Assim, os dois puderam passar mais tempo conversando até que o clima melhorasse para que pudessem ir embora.

 

Pouco tempo depois, a santa veio a falecer. Era o dia 10 de fevereiro de 547, e São Bento viu, em oração, a irmã, representada por uma pomba branca, entrando no Paraíso. 

 

Santa Escolástica, rogai por nós!